Título: Encomendas de ceia são aposta da panificação para um Natal bem servido
Data Inserção:06/12/2019 12:48:40 Veículo: Site - O Hoje - Goiás - Tiragem / Audiência:9100

Data Publicação: 05-12-2019 - clique aqui 570cm²

Pense verde antes de imprimir

Da Redação

Chester, peru, salpicão, rabanadas e panettones. Não tem outra, junto com a proximidade das festas de fim de ano vem também a preocupação com a ceia. Quem vai fazer o quê? Em que momento será possível cozinhar? E se ficar ruim?

Foi combinando o desejo de comodidade dos clientes à expertise das padarias em preparar produtos saborosos que esses locais se tornaram referência na produção das cobiçadas ceias de fim de ano. A nova tradição rende também um acréscimo de faturamento para os empresários da panificação na melhor época do ano para o varejo: o Natal.

“As ceias são um investimento que vem se mostrando cada vez mais sustentável no setor de panificação. A prática de encomendar comida já se tornou um costume no dia a dia dos brasileiros. Para as ceias de Natal não é diferente, e isso se reflete na alta dos pedidos nas padarias este final do ano. Nós, do setor, não temos receio em acreditar: é uma tendência que perdura”, avalia José Batista de Oliveira, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Panificação e Confeitaria (ABIP). De fato, as encomendas têm sido muitas vezes a opção preferida dos consumidores no dia a dia, levando os estabelecimentos a aderirem ao modelo de serviço.

Reproduzido conforme o original, com informações e opiniões de responsabilidade do veículo.